Blog Crédito Real

Imposto de renda e aluguel: perguntas e respostas

Já começou o prazo para enviar a sua declaração anual do Imposto de Renda. Você tem até 29 de abril para fazer sua declaração e evitar pagar multa.

Em 2022, entre outros critérios, deve declarar o Imposto de Renda quem recebeu rendimentos tributáveis acima de R$ 28.559,70 em 2021. Não houve correção neste ano, por isso esse valor é o mesmo do ano passado.

Mas quando o assunto é aluguel, você sabe como funciona a declaração? Além do proprietário do imóvel, será o inquilino também precisa declarar o valor que pagou?

O locatário deve incluir o aluguel no seu Imposto de Renda?

Sim, deve. Apesar de não ser possível abater essa despesa, é necessário colocar na declaração.

Pra isso, além do valor pago no ano, é preciso informar nome e CPF do proprietário. Nisso não entram valores como condomínio, IPTU, seguros e outros gastos com o imóvel.

Para saber com certeza o valor a incluir na declaração, basta pedir a relação dos pagamentos para a imobiliária que administra o aluguel.

O proprietário sempre deve declarar o aluguel recebido?

Sim, ele precisa declarar todos os rendimentos de aluguel. No entanto, nem todo valor paga Imposto de Renda.

Se o rendimento com a soma dos aluguéis recebidos no mês for até R$ 1.903,98, o valor deve ser apenas informado, mas é isento de pagamento.

Como é pago esse imposto?

Para valores acima de R$ 1.903,98, a cobrança do IR segue uma tabela com alíquotas que vão aumentando conforme o valor recebido aumenta.

O imposto deve ser recolhido até o último dia útil do mês seguinte ao recebimento do aluguel, através do carnê-leão, um programa próprio. Além disso, também deve ser informado na Declaração de Ajuste Anual do Imposto de Renda.

O que acontece se não declarar o aluguel?

Ao se enquadrar nos requisitos obrigatórios para a declaração de Imposto de Renda, é preciso declarar seus rendimentos, bens, pagamentos efetuados, entre outros itens.

Deixar de enviar a declaração, ou não declarar o valor do aluguel (pago ou recebido), pode gerar multa para quem não cumprir essa obrigação.

E se os valores forem diferentes no Imposto de Renda?

A declaração do aluguel serve para que a Receita possa cruzar os dados informados pelo inquilino com os dados informados pelo proprietário.

Por isso, caso os valores declarados não sejam iguais, a Receita pode pedir que o locador, o locatário ou os dois corrijam suas declarações ou apresentem comprovantes.

Se o proprietário declarar um valor menor que o informado pelo inquilino, por exemplo, pode ser entendido como uma tentativa de sonegação por parte do dono do imóvel.

___________________

Já está reunindo os documentos para fazer sua Declaração?

Fique de olho em nossas redes e não perca os próximos conteúdos sobre Imposto de Renda e imóveis.

Gostou do Post? Deixe seu comentário aqui!