Blog Crédito Real

Como funciona um financiamento imobiliário?

Conquistar o próprio imóvel é um dos grandes sonhos de inúmeros casais. Além dos preparativos para o casamento, providenciar um cantinho para viver a dois também começa a ser uma preocupação. Nessa hora, o financiamento imobiliário, um nos meios mais utilizados para a aquisição da casa própria, surge como uma alternativa para muitos noivos que, como boa parte das pessoas, não têm todo o valor disponível para pagar à vista o novo imóvel. O processo inclui algumas etapas burocráticas. Por isso, hoje, vamos explicar como funciona um financiamento imobiliário e ajudar quem está prestes a juntar as escovas.

Passo a passo descomplicado: como funciona um financiamento?

1- Simular o financiamento

Para saber mais detalhes sobre prazos e condições, é imprescindível, em primeiro lugar, fazer uma simulação com um correspondente imobiliário. Dessa forma, é possível verificar se existem restrições de crédito, garantir que a prestação não vai comprometer mais do que 30% da renda familiar bruta e identificar as possibilidades de uso do FGTS.

2- Buscar auxílio e mediação de uma imobiliária

Em segundo lugar, é fundamental buscar uma imobiliária para intermediar o processo de financiamento. Afinal, essa é a empresa que possui os profissionais adequados para orientar e descomplicar toda a burocracia que a linha de crédito engloba.

3- Encontrar um imóvel financiável

Depois de simular e encontrar uma imobiliária de confiança, é hora de sair em busca de um imóvel que se enquadre na linha de crédito, ou seja, que esteja com toda a documentação regularizada. Portanto, a matrícula não deve possuir nenhuma pendência judicial ou fiscal e deve conter a averbação de toda a área construída registrada.

→ É importante saber que isso vale para imóveis prontos e por unidade. Financiar imóveis na planta ou comprar um prédio inteiro envolve requisições diferentes.

4- Fazer a avaliação do imóvel

O banco definido para fazer o financiamento fica responsável por avaliar o imóvel. Essa medida tem como finalidade confirmar o valor, além de saber se o bem pode ou não servir como objeto de garantia. Após a avaliação da engenharia, ocorre a assinatura do contrato, que deve ser registrado no cartório de imóveis para liberação do crédito.


Está em busca de um imóvel para construir uma família com quem você ama? Agora que descomplicamos o financiamento imobiliário e você já sabe como funciona, entre em contato com a gente! Vamos ajudar você a escolher seu primeiro endereço para morar junto e deixar todo o processo muito mais fácil.

Gostou do Post? Deixe seu comentário aqui!