COVID-19

Moradores desrespeitando as regras de convivência durante a COVID-19: como agir?

Quem mora em condomínio sabe que respeitar as regras de convivência é algo fundamental para o bem-estar de todos. Inegavelmente, com a pandemia, essas regras precisam ser seguidas à risca, para evitar cada vez mais o contágio pelo coronavírus. Veja, abaixo, como proceder diante de algumas situações:

Morador está com suspeita/contraiu a COVID-19, mas não está seguindo o isolamento

Nesse caso, é importante que o morador com suspeita ou com contaminação confirmada utilize o bom senso. Segundo o 5º e o 6º artigo da Lei Federal nº 13.979, de 6 de fevereiro de 2020, toda a pessoa deve colaborar com as autoridades informando imediatamente sobre possíveis contatos com agentes infecciosos e circulação em áreas consideradas de risco.

A pessoa contaminada precisa ficar em quarentena por 14 dias e manter a distância mínima de 1 metro das outras pessoas. Também é recomendado não circular pelos espaços comuns do condomínio. O síndico não pode impedir que o morador circule por esses espaços, mas tem o papel de orientar os moradores a fazerem o uso da máscara de proteção individual. É preciso também redobrar o cuidado com o descarte do lixo, porque utensílios e fezes podem conter o vírus.

Morador está recebendo visitas/dando festas

É muito importante que visitas de pessoas externas sejam evitadas, bem como reuniões e jantares nas dependências do condomínio. Com a reabertura de estabelecimentos e comércios, muitas pessoas voltaram a trabalhar presencialmente e voltaram a frequentar ambientes com aglomerações. Com isso, o risco de contaminação aumenta, portanto é melhor evitar contato presencial no momento. O síndico deve ser informado quando situações como essa ocorrerem para agir a fim de barrar essas atividades. Utilize ferramentas digitais para se comunicar com quem você ama. Cuidar da saúde também é uma forma de demonstrar amor, não é mesmo?

Morador não está respeitando os horários de silêncio do condomínio

Sabemos que com o isolamento social, muitas pessoas mudaram seus hábitos e rotinas em casa. Com isso, algumas situações inconvenientes podem acontecer, como um vizinho passar a escutar música alta até tarde, por exemplo. É importante que o síndico reforce que os horários de silêncio devem ser respeitados para que todos possam se sentir confortáveis.

Se você é síndico, reforce a comunicação com seus condôminos através de ferramentas. Utilize o Conecte-se da Crédito Real ou o app do seu condomínio, e-mails, cartazes, grupos e listas de transmissão no WhatsApp. A comunicação e o diálogo são a chave para uma boa convivência.

Veja também essas matérias

Veja mais postagens

Imóveis Crédito Real

Central de atendimento: 51 3214.1414

Siga a Crédito Real YouTubeInstagram

Baixe nosso aplicativo